Veganismo: O que é? Qual a diferença do vegetarianismo? Emagrece? Faz mal?

0

Mais que uma forma de alimentação, ser vegano é viver a vida de um jeito diferente. Venha conhecer mais sobre a filosofia de vida do veganismo, conheça como funciona a alimentação, os benefícios, quando pode fazer mal e muitas outras informações. 

Veganismo

O que é o veganismo?

O veganismo é um estilo de vida em que o objetivo é não apoiar, conviver, vestir, usar nem se alimentar de qualquer coisa que envolva exploração aos animais.

Isso envolve não apenas a alimentação, que é o aspecto mais falado sobre o assunto, mas como também inclui roupas, produtos, marcas que fazem testes em animais, entretenimento que os usem para isso, comércio de animais, rituais religiosos, caça, pesca e muitos outros pontos.

Por isso que é compreendido como um novo olhar sobre a vida e relações com os animais, indo muito além da alimentação, não qual não se deve consumir nenhum produto ou alimento que contenha ingrediente animal, incluindo carnes, ovos e leite.

Origem do veganismo

Não existe um ponto inicial para o surgimento do veganismo, pois até em sociedades mais antigas, a agricultura era usada como principal fonte de alimentação, mas nem por isso era entendida como uma filosofia de vida.

Além disso, existem grandes registros do passado de figuras importantes que adotam a alimentação vegana em prol da saúde, defesa e proteção aos animais, como o filósofo e matemático Pitágora e o lider budista Siddhãrtha Gautama, que você deve conhecer como Buda.

Mas como relação ao termo veganismo em si, sua origem se deu lá e 1944 quando um homem chamado Donald Watson, vegetariano, se juntou a outras pessoas vegetarianas que tinham o objetivo em comum de eliminar também os derivados do leite e ovos da alimentação, de modo a apoiar ainda mais a boa relação entre homens e animais.

O primeiro termo dado ao grupo foi “vegetarianos não lácteos”, mas então, com o tempo, o termo “vegan” surgiu como uma abreviação que logo se disseminou pelo mundo e vem ganhando apoiadores até hoje.

Diferença entre veganismo e vegetarianismo

Enquanto que o veganismo é uma filosofia de vida, que luta por objetivos éticos para eliminar qualquer tipo de exploração animal, o vegetarianismo é mais encarado como um estilo de alimentação que podem envolver saúde, estética ou religião.

Numa alimentação vegetariana, há apenas o corte do consumo de carne animal, incluindo carne vermelha, de frango, de peixes, crustáceos, frutos do mar ou qualquer outro animal; já no veganismo, não são consumidos também ovos, leites ou qualquer outro derivado dos animais.

Muitos encaram o vegetarianismo como uma ponte destinada ao veganismo, servindo de adaptação alimentar e também de apresentação da filosofia maior do veganismo.

Como funciona o veganismo? Como ser vegano?

O veganismo é encarado como uma prática completamente restritiva e limitadora, mas saiba que é um estilo de vida super simples, fácil e recompensador. Claro que é chocante você precisar adaptar sua alimentação e o que usa no dia a dia, por exemplo, mas é tudo questão de ritmo, tempo e adaptação.

Primeiramente, saiba que na sua alimentação não deverá haver qualquer derivado de animais, como nenhuma carne, ovos, leite, mel, gelatina ou qualquer outro.

O que pode ser mais difícil no começo é a adaptação quanto a produtos industrializados, dos quais a maioria conta como derivados animais nas composições.

Uma excelente forma de começar é eliminando produtos industrializados da alimentação, considerada uma prática saudável pelos médicos.

Além da mudança na alimentação, um vegano evita ou elimina o uso de marcas que testam produtos em animais ou que também tenham ingredientes animais nas composições.

Saiba que isso nem é um desafio tão grande mais, pois a maioria das marcas já vem se preocupando com esse tipo de atitude, e é possível usar excelentes produtos de consciência tranquila.

Além dos produtos, um vegano também não deve se vestir ou calçar peças de couro, lã, seda, penas e peles de origem animal. O uso dessas peças é ligado a um luxo desrespeitoso com os animais e é possível usar peças similares de tecidos não animais, é claro.

Quanto ao entretenimento, um vegano jamais se diverte ou se dispõe a frequentar zoológicos, aquário ou parques com animais sendo usado para entreter as pessoas.

Nenhum desses animais está ali porque querem e não fazem suas performances por diversão, sendo tudo em prol do lucro e diversão dos humanos.

Isso inclui eventos como touradas, rodeios, vaquejadas, circos, corridas com animais, dentre outros eventos do tipo que envolvam exploração animal.

Benefícios do veganismo para a saúde

  1. É um dos tipos de alimentação mais ricos em nutrientes que existem. Quando você se abstém de carnes, ovos, leite e outros alimentos de origem animal, é obrigado a consumir mais alimentos de origem vegetal e neles contém muito mais nutrientes, antioxidantes, antiinflamatórios e vitaminas. É extremamente importante e motivador comer bem para evitar quedas de ácidos graxos essenciais, vitamina B12, ferro, cálcio, iodo e zinco.

 

  1. É um tratamento eficaz contra a obesidade. Estudos foram feitos comparando dietas comuns a dietas veganas, e nos veganos o IMC é bem mais baixo. Uma das razões é que veganos comem mais fibras e menos proteína animal, balanceando o peso com mais rapidez.

 

  1. Previne alguns cânceres que são muito motivados pela ingestão da proteína animal, tais como câncer de cólon, pulmão, esôfago, mama, de próstata, dentre outros. Além disso, consumir mais frutas e vegetais reduz os riscos de sérias doenças.

 

  1. Melhora a sua saúde cardiovascular, pois veganos tendem a ter menores pressão arterial e colesterol ruim regulado, o que evita doenças como AVC, infarto ou outros sustos relacionados à saúde do coração.

 

  1. Evita doenças neurodegenerativas como o Parkinson ou Alzheimer, pois uma alimentação com menores níveis de gordura diminui as ameaças ao sistema neurológico. Ajuda também nos tratamentos dessas doenças em si.

Veganismo emagrece?

Depende! Assim como qualquer alimentação equilibrada pode levar ao emagrecimento, o veganismo também pode.

Cortar carne, ovo ou leite não significa que a pessoa vá perder peso. Na verdade, os vilões da engorda são os carboidratos e no excesso de gordura, os quais também estão presentes no veganismo.

Há veganos que se acabam de comer pães, bolos, batata frita, lasanha, todos veganos, mas cheios de gordura e açúcar.

Existem dietas restritivas sim do veganismo, incluindo vegetais, frutas e grãos, no entanto é uma opção pessoal querer usar o veganismo para emagrecer ou não. O principal é ligar a sua alimentação com exercícios físicos e mandar ver no dia a dia.

Veganismo faz mal?

Depende da alimentação feita dentro do veganismo. Alimentos de origem animal suprem facilmente as quantidades que precisamos de proteínas, ácidos graxos, ferro, cálcio, vitamina B12, dentre outros, que já podem ser difíceis de serem consumidos com eficácia no veganismo.

O melhor a se fazer é montar uma dieta equilibrada onde nenhum desses importantes nutrientes faltem e ainda considerar uma suplementação, principalmente com relação aos ômegas 3, 6 e 9 que precisamos e a vitamina B12. Se conseguir equilibrar todos esses nutrientes, certamente o veganismo não faz mal nenhum, só oferece ganhos na saúde.

Como substituir alimentos no cardápio vegano?

A alimentação vegana não se trata apenas de cortar alimentos de origem animal e sim também saber por quais eles devem ser substituídos, a fim de suprir sua saúde e também sua saciedade na alimentação. Confira abaixo o que todo vegano pode e deve inserir na sua alimentação:

– Cereais integrais; como arroz, trigo, aveia e afins.

– Hortaliças e frutas; principalmente as folhas verdes escurasque têm mais nutrientes como ferro, cálcio e outros minerais.

– Leguminosas; como feijões, grão-de-bico, lentilhas, castanhas, ervilhas e afins.

– Tofu; derivado da soja que contém muita proteína e cálcio.

– Quinoa; um excelente cereal rico em proteínas, fibras, magnésio, ferro e fósforo.

– Leites vegetais; como aveia, arroz, amêndoa e outros, que são mais saborosos que o leite de vaca e ainda contêm mais cálcio.

– Salsichas e hambúrgueres vegetais; conte com marcas de produtos veganos que fabricam tais alimentos, os quais hoje em dia são fáceis de encontrar pela forte disseminação do veganismo; dentre outros alimentos.

Consulte um nutricionista para adequar um cardápio perfeito à sua rotina e necessidades. Quem pratica esportes ou está grávida, por exemplo, deve priorizar um tipo de alimentação mais específica.

5 curiosidades sobre o veganismo

  1. Muitos dizem ter dificuldade no começo da adaptação ao veganismo alegando que o corpo “sente falta” de carne. Isso é um mito, pois é um mito, pois o consumo de carne é algo totalmente cultural e não de necessidade biológica. Depois de pouco tempo inserido no veganismo, o desejo e saudade de carne são coisas facilmente esquecíveis, tudo questão de adaptação.

 

  1. Todos falam que a única forma de consumir vitamina B12 é com alimentos de origem animal. Isso é falso, pois a maioria dos veganos mantém tal vitamina em equilíbrio através do consumo de alimentos fortificados ou também de suplementação.

 

  1. Sabe a dupla famosa de arroz com feijão? Eles juntos são possuem tanta proteína quanto carnes e ovos numa alimentação.

 

  1. Couve-folha tem mais cálcio do que o leite de vaca, sabia? Seja ela refogada ou crua, todo vegano ou não vegano deveria consumir diariamente de uma a duas folhas de couve.

 

  1. Em janeiro de 2019, a cantora Anitta virou vegana objetivando conhecer melhor esse estilo de vida. Ela foi influenciada por sua amizade com Luísa Mel, popular ativista contra a exploração animal e também vegana. A cantora em menos de 1 mês já emagreceu 5 Kg e se diz muito feliz com suas conquistas diárias. Além da recente mudança de Anitta, outros grandes artistas veganos são Beyoncé, Miley Cyrus, Gwyneth Paltrow, Joaquin Phoenix,  Paul McCartney, Fernanda Paes Leme, Kristen Stewart, Ariana Grande e muitos outros.
Veganismo: O que é? Qual a diferença do vegetarianismo? Emagrece? Faz mal?
Avalie este post

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here