Dor nas articulações: Entenda a dor, conheça as causas e os tratamentos

0
4

As famosas e chatinhas dores nas juntas chegaram até você? Sabemos que é bem doloroso, cansativo e causam muito desconforto em vários movimentos rotineiros da nossa vida, desde um simples agachamento até uma levantada da cadeira.Dor nas articulações


Pensando em te ajudar, vamos falar hoje um pouco sobre dor nas articulações, possíveis causas e tratamentos para você procurar.

Entendendo a dor nas articulações

As articulações são estruturas que interligam nossas partes do corpo e garantem a funcionalidade dos nossos movimentos.

São elas: cartilagens (tecido conjuntivo), ligamentos (estruturas fibrosas), tendões, bursas, meniscos, extremidades ósseas e membrana sinovial (bolsa com líquido sinovial); se encontram nos joelhos, cotovelos, punhos, mãos, tornozelos, ombros, crânio, quadril, coluna vertebral, dentre outros.

Pode surgir em pessoas de qualquer idade, a partir de lesões ou enfermidades, e o nível da dor varia de aguda (temporária) a crônica (relacionada a alguma doença ou condição do corpo que necessite tratamento prolongado).

O que pode ser dor nas articulações?

Quando ocorre sensação de desconforto, inflamação, queimação ou rigidez, pode ser sinal de algum problema na articulação. É uma dor que é constantemente confundida com dores musculares ou até ósseas, portanto é importante um diagnóstico preciso com um médico para saber como tratar.

São algumas das principais possíveis causas das dores nas articulações:

Muito tempo sentado: dependendo da sua posição, uma sobrecarga errada pode ser feito nas articulações, principalmente da coluna (grande parte dos relatos de dores);

Temperaturas baixas: O frio e até locais mais úmidos fazem com que a sensibilidade corporal aumente, portanto, qualquer mínima dor pode ser intensificada, mas é apenas questão de sensação térmica e não ligado direto a um agravamento do sintoma;

Sobrepeso e obesidade: também são outros fatores que podem acarretar sobrecarga das articulações e esforços excessivos, desde uma simples caminhada ao movimento de erguer algum objeto;

Exercícios físicos sentindo dores: se exercitar faz bem e fortalece as articulações, porém exercícios não são recomendados quando elas estão inflamadas ou doloridas, aumentando chances de pioras.

Outro fator que gera dores são exercícios físicos feitos de maneira errada ou com peso em excesso, nas academias, por exemplo, gerando lesões e luxações com impactos inesperados;

Gripes e resfriados: são infecções que debilitam nosso organismo, causando febre, dor de cabeça, dor no corpo (incluindo as articulações) e uma fadiga generalizada pelo corpo;

Dengue, Zika ou Chikungunya: doenças que podem ser provenientes do mosquito Aedes aegypt e trazem muitas dores pelo corpo do paciente, além de febre e outros sintomas;

Doenças reumáticas: doenças típicas que trazem dores nas articulações, às vezes vindo acompanhada de inchaço e incapacidade motora funcional; existem mais de 100 doenças reumáticas.

Alguns exemplos são: osteoartrite, mais comum em idosos; lúpus, doença autoimune mais comum em jovens em torno de 20 anos, e gota, mais comum em adultos em torno de 35 anos;

Fibromialgia: Doença crônica de poucas explicações médicas que acometem músculos e articulações, causando bastante dor e desconforto à pessoa;

Outras enfermidades que acometem as articulações são: Doenças infecciosas, hepatites, sarampo, caxuma, febre reumática, rubéola, varicela, bursites, artrites, entre outras.

Sua ida ao médico deve ter caráter urgente principalmente você tiver com algum sintoma de febre não associada a alguma gripo do momento, estiver perdendo peso, dores que duram por mais de 3 dias e outros sintomas incomuns.


Como tratar dor nas articulações?

Quando você for ao médico, ele lhe fará um exame físico, testando pontos da dor, recomendando movimentos e lhe perguntando e ouvindo bem a respeito dos sintomas. Podem ser solicitados exames como radiografia, exame de inflamação pelo corpo e até exame de sangue para identificar doenças autoimunes.

Em certas articulações, pode ser necessário extração de um líquido da área para ser analisado.

Dependendo do seu tipo e local das dores, além de outros sintomas, pode ser recomendado fisioterapia, administração de anti-inflamatórios (não se automedique), dentre outras terapias com ação no local da dor.

Em casos extremos, com tendências mais graves e irreversíveis, pode ser que o médico lhe indique cirurgia local.

No dia a dia, utilize compressa fria ou quente para alívio temporário da dor, algum analgésico do seu costume e tenha bons descansos. Para evitar as dores nas articulações, procure manter seu peso em dia, se exercitando dentro dos seus limites e se alimentando bem (com boa ingestão de cálcio na alimentação e/ou por suplementação).

Também evite ficar muito tempo sentado, dando algumas levantadas e se alongando sempre que puder.

Dor nas articulações: Entenda a dor, conheça as causas e os tratamentos
Avalie este post

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here