Diosmina: Para que serve? Como tomar? Efeitos colaterais? Quanto custa?

0
0

Hoje falaremos de um medicamento destinado ao tratamento de doenças no sistema vascular, a Diosmina. Saiba mais sobre como ela atua na circulação sanguínea, possíveis efeitos colaterais do medicamento e muito mais.


Diosmina

O que é Diosmina?

A Diosmina é uma substância da classe dos bioflavonoides muito comum na composição de medicamentos destinados ao tratamento de problemas venosos nos membros inferiores, desde inchaços e dores nas pernas a tratamentos de varizes e algumas doenças venosas.

Praticamente todos os remédios que contêm Diosmina combinam sua ação com outro bioflavonoide de ação anti-inflamatória e antioxidante, a Hesperidina (também chamada de vitamina P), que também auxilia na circulação sanguínea e torna os vasos sanguíneos mais resistentes.

Nomes comerciais da Diosmina

A seguir, medicamentos similares contendo o mesmo princípio ativo da Diosmina, porém produzidos por laboratórios diferentes.

  • Diosmin;
  • Daflon;
  • Flavonid;
  • Venaflon;
  • Venalex;
  • Venalot;
  • Perivasc;
  • Flavenos.

Diosmina de 500 mg

A maioria dos comprimidos de diferentes laboratórios que produzem esse medicamento contém 450 mg de uma forma micronizada da Diosmina e 50 mg de flavonoides expressos em Hesperidina, além dos excipientes. Geralmente, vem em embalagens de 10, 30 ou 60 comprimidos.

Diosmina genérico

Também não é difícil encontrar a versão genérica de Diosmina, que causa o mesmo efeito no organismo. O nome varia de acordo com cada laboratório fornecedor. Costuma ser mais baratinho. Peça indicações ao médico de boas referências para comprar Diosmina genérica.

Como funciona? Mecanismo de ação da Diosmina

Assim que é tomada, a Diosmina é rapidamente absorvida através da mucosa digestiva e fortemente metabolizada. O tempo estimado para início dos seus efeitos é de 2 horas. Seu efeito é evidenciado pela quantidade de diferentes fenóis ácidos na urina.

Quando chega nas veias, diminui a distensão, facilita a circulação sanguíneo, melhora o tônus das veias, reforça a resistência de capilares e diminui inchaços de origem venosa. Em média, a meia-vida de eliminação do medicamento é de 11 horas através das fezes e urina.

Para que serve a Diosmina?

Diosmina em combinação com a Hesperidina serve para os tratamentos abaixo:

  • Tratamentos sintomáticos de varizes e outros sintomas como dores e inchaços nas pernas;
  • Insuficiência venosa crônica, funcional ou orgânica das pernas;
  • Insuficiência venosa do plexo hemorroidário;
  • Para alívio de sintomas após o procedimento de safenectomia (cirurgia para a retirada da veia safena);
  • Para alívio dos sintomas após o procedimento de hemorroidectomia (cirurgia para a retirada da veia hemorroidal);
  • Para alívio da dor pélvica crônica associada à Síndrome da Congestão Pélvica.

Diosmina emagrece?

Existe um mito perigoso na internet de que medicamentos para tratamentos venosos emagrecem, como a Diosmina, mas não caia nessa! Utilizar um medicamento desse tipo com essa finalidade e, principalmente, sem precisar, pode trazer efeitos colaterais graves para o paciente.

Sendo assim, jamais consumo para emagrecimento! Diosmina é para auxiliar na má circulação sanguínea e outros sintomas relacionados a diferentes condições anormais nas veias.

Efeitos colaterais da Diosmina

  • Comuns: Alterações gastrointestinais como diarreia, dispepsia, náuseas e vômitos;
  • Incomuns: Alterações gastrointestinais como colite;
  • Raramente: Alterações no sistema nervoso como tontura, dores de cabeça e mal-estar;
  • Raramente: Alterações na pele e no tecido subcutâneo, como em casos de alergia, como erupção, prurido e urticária; também já foram relatados edemas de face, nos lábios e pálpebras.

Este medicamento é contraindicado para quem tem alergia a qualquer componente da fórmula. Grávidas, lactantes e pessoas em tratamentos com outros medicamentos devem comunicar aos seus médicos antes de iniciar consumo.

Como tomar Diosmina?

O uso de Diosmina é oral, em forma de comprimidos. Geralmente, recomenda-se 2 por dia, sendo um pela manhã e outro pela noite.

Existem tratamentos mais específicos e emergenciais feitos com mais comprimidos por dia em menos tempo de tratamento, com efeito regressivo na dosagem.

Em crises de hemorróidas, por exemplo, pode-se chegar a 2 comprimidos 3 vezes ao dia, por 4 dias seguidos, e assim vai diminuindo a dosagem.

Preço da Diosmina

Depende do laboratório fornecedor do medicamento, quantidade de comprimidos na caixa e farmácia onde você está comprando. No geral, o preço médico da Diosmina varia de R$40 a R$130 reais. Não pratique automedicação! Consulte seu médico e tire todas as dúvidas antes de comprar e fazer uso.

Diosmina: Para que serve? Como tomar? Efeitos colaterais? Quanto custa?
Avalie este post

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here