Corticoides: O Que São, Para Que Sevem, Seus Tipos, Efeitos Colaterias

0
4

Sempre que sentimos alguma dorzinha já vamos logo recorrendo a um medicamento não é mesmo? Verdadeiros deuses curadores criados pela farmacologia, os medicamentos são muito bem-vindos na hora de qualquer sintoma incômodo. Hoje nesse artigo eu irei falar um pouco sobre os medicamentos corticoides, excelentes medicamentos para o tratamento de várias doenças.

Continue lendo esse artigo e veja a seguir tudo que você precisa saber sobre ele.

Corticóides

O que são Corticoides?

Para quem ainda não conhece, os corticoides fazem parte de um grupo de hormônios esteróides que são produzidos nas glândulas suprarrenais, sendo que estes possuem a função anti-inflamatória e para suprir os mecanismos de defesa do corpo, este último procedimento é muito utilizado em casos de transplantes e enxertos.

O corticoide é um derivado sintético do hormônio  cortisol, mas que possui sua estrutura modificada a fim de tornar sua função no organismo ainda mais eficiente. Veja a seguir para que são utilizados os corticoides.

Para que serve?

Possuem muitas funções dentro do organismo, sendo que existem vários tipos, cada um com uma funcionalidade diferente. Veja a seguir quais os tipos de corticoides existem e quais as funções de cada um deles:

Orais:

Esses são os corticoides em comprimidos, são medicamentos utilizados para o tratamento de várias doenças crônicas inflamatórias, a exemplo podemos citar a hepatite, a bronquite, a doença de Crohn e a artrite.

Injetáveis:

Além da forma oral, os corticoides também existem na forma injetável, sendo que serve para o tratamento de problemas crônicos como as queloides, a bronquite ou em casos de artrite reumatoide.

Nasais:

Esses corticoides são em formatos de spray e são usados principalmente em casos de alergia respiratórias como a rinite alérgica e a asma.

Tópicos:

Os corticoides tópicos são cremes e loções utilizados para o tratamento de doenças alérgicas na pele como a urticária.

Corticoides tópicos

Colírios:

Esses corticoides são utilizados em casos de problemas oftalmológicos a fim de ajudar a diminuir a vermelhidão e a irritação dos olhos. Um exemplo de aplicação desses colírios é em casos de conjuntivite.

Efeitos colaterais:

Apesar de ser muito eficiente para o tratamento de várias doenças e sintomas, seu uso pode trazer alguns efeitos colaterais como:

  • Cansaço extremo e prolongado;
  • Diminuição das defesas e imunidades do corpo;
  • Pode auxiliar para aumentar os níveis de açúcar do sangue;
  • Proporciona uma grande agitação;
  • Pode causar insônia;
  • Pode trazer dor de cabeça;
  • Pode ocasionar em glaucoma;

Além do mais, seu uso também pode trazer alguns problemas como  a diabetes, o excesso de peso e a aparição de estrias e celulites.

Quem não pode usar?

Não podem ser usados por todas as pessoas que desejam, pois o seu uso poderá trazer diversos prejuízos à saúde de um determinado grupo de pessoas. Veja a seguir quem não deve fazer uso dos corticoides:

  • Pessoas que possuam casos de hipertensão;
  • Quem sofre de insuficiência cardíaca;
  • Quem sofre de insuficiência renal;
  • Pessoas que têm osteoporose;
  • Em casos de úlcera;
  • Em casos de epilepsia;
  • Pessoas com tuberculose;
  • Quem possui infecção viral ou infecção por fungos;

Além do grupo de pessoas acima, quem possui as doenças a seguir também não devem fazer uso desse medicamento, pois o uso deles podem agravar tais doenças:

  • Pessoas que tenham diabetes;
  • Pessoas em estado de obesidade;
  • Quem possui glaucoma.

Além do mais, crianças, mulheres que estejam grávidas, mulheres que estão amamentando ou idosos não devem fazer uso dos corticoides sem antes consultar um médico.

Precisa de receita?

Nem todos os tipos de corticoides precisam de receitas para ser comprados, no entanto não é recomendável que faça uso dos corticoides sem receita médica, pois isso poderá trazer diversos malefícios a sua saúde.

Em casos de mulheres grávidas não é recomendável o uso de corticoides, pois seu uso pode aumentar os riscos do bebê nascer muito baixo do peso. Quando for imprescindível que a mãe use os corticoides para o tratamento de doenças crônicas, estes devem ser ministrados por um obstetra de confiança da mãe e que já cuide dela e do bebê há mais tempo.

Ficou alguma dúvida sobre os corticoides, para que servem e seus benefícios? Então nos conte nos comentários!

1 Estrela2 Estrelas3 Estrelas4 Estrelas5 Estrelas (Avalie este artigo)
Loading...

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here